Imprimir Postagem
Cadastro Único: beneficiários de programas sociais devem atualizar dados

Os beneficiários de programas sociais devem procurar o Cras de Auriflama para atualizarem suas informações no Cadastro Único (CadÚnico) e evitarem a suspensão e cancelamento de benefícios.

O Cadastro Único (CadÚnico) é o principal instrumento do governo para a inclusão de famílias de baixa renda em programas federais como Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE) e Benefício de Prestação Continuada (BPC), além de dar direito ao Auxílio Emergencial e ao Auxílio Brasil, entre outros benefícios.

E se não atualizar?

A falta de atualização dos dados do Cadastro Único pode levar à suspensão de benefícios e posterior cancelamento. Se os registros não forem regularizados, as famílias podem ser excluídas do Cadastro Único.

Estar no Cadastro Único, porém, não significa a entrada automática nesses programas, pois cada um deles tem suas regras específicas. Mas é pré-requisito para que a inscrição seja avaliada.

Quais documentos levar?

 

 

 

 

Para a atualização, é preciso levar os seguintes documentos originais de todos os moradores da casa: RG e CPF; Título de Eleitor; Certidão de Nascimento ou de Casamento; Comprovante de Residência; Comprovante de Matrícula Escolar, Carteira de Trabalho (mesmo sem registro); Holerite atualizado ou comprovante de recebimento do seguro desemprego; Demonstrativo de créditos no caso de aposentados, pensionistas, beneficiários do BPC ou Auxílio Doença.

Comentários

Indique para um amigo

Use este formulário para indicar esta postagem para um amigo.

 Digite o texto no campo abaixo.

Mais notícias sobre Social